Três quadras à vida

Podia o mundo estar parado
e eu na mesma revoltado
com o rico todo inchado
e o pobre esfomeado.

Fere-me o sangue a injustiça,
de uma democracia postiça,
que dá a uns poucos a cortiça
e aos outros uma chouriça.

Evolução humana regressiva,
de uma sociedade passiva,
com cansada política abusiva
que anda, por engano, à deriva.